Sólida

BLOG

APRENDA A FAZER UM JARDIM VERTICAL DE PALETES NO SEU APARTAMENTO

Você sabia que, mesmo morando em apartamento, é possível fazer um cantinho especial no seu lar com diversas plantas?

O jardim vertical é uma ótima forma de complementar a sua decoração, além de trazer boas energias. E o melhor, você pode escolher qualquer cômodo da casa para colocá-lo: banheiro, sala de estar, área de serviço ou até mesmo na cozinha.

Grande parte das superfícies verticais aceita bem a construção do jardim vertical. O que precisa ser levado em consideração, principalmente, é o tamanho, para não comprometer a locomoção ou o próprio visual do apartamento.

Continue lendo para saber como criar seu próprio jardim vertical de palete!

CRIANDO UM JARDIM VERTICAL USANDO PALETE

Seja para cultivar plantas, flores, ervas ou até mesmo ter uma pequena “horta” dentro do próprio apartamento, usar paletes de madeira rústica vai criar um clima agradável para o seu jardim vertical.

Você precisará dos seguintes materiais para criar o seu próprio jardim vertical:

    • Um palete;
    • Tintas (escolha as cores que você mais gosta);
    • Pincel ou rolinho;
    • Substrato para plantas;
    • Plantas variadas;
    • Tela/manta de jardinagem;
    • Grampeador de tapeceiro;
    • Lixadeira;
    • Furadeira;
    • Tábua.

ESCOLHENDO AS PLANTAS

Após definir o cômodo em que o jardim será instalado, você precisa decidir quais plantas combinam mais com a arquitetura e decoração do apartamento. Lembre-se de levar em consideração a luz do ambiente, o vento (especialmente para pessoas que moram em andares mais altos), dentre outros fatores que interferem no crescimento de uma planta.

Samambaias, trepadeiras e capins costumam ser uma boa escolha, além de lança-de-são-jorge, rosa de pedra, cactos, begônias, pau d’água. No entanto, é importante ver a opinião de um especialista antes de realizar a compra.

Visite uma floricultura e troque ideias com profissionais da área antes de montar o jardim, dando detalhes sobre o ambiente em que o jardim vertical ficar, altura do apartamento, quantidade de luz, etc.

 

COLOCANDO A MÃO NA MASSA

Juntou todos os materiais, escolheu o ambiente ideal e já decidiu sobre quais plantas vai cuidar no seu jardim vertical? Então chegou a hora de construir!

Primeiro passo: lixe o palete, pinte do jeito que quiser e deixe secar antes de usar.

Segundo passo: coloque o palete deitado no chão. Usando o grampeador de tapeceiro, grampeie a manta de jardinagem na parte superior.

Terceiro passo: encha todo o palete com terra ou substrato para plantas;

Quarto passo: feche um dos lados com uma tábua, usando a furadeira, para formar o fundo do jardim;

Quinto passo: finalize com o plantio das flores.

 

IRRIGANDO ADEQUADAMENTE

A irrigação de jardins verticais exige cuidados especiais. Para manter suas plantas bem cuidadas, você deve montar um cronograma detalhado para ter certeza de que não “irrigou” nem muito nem pouco.

É necessário manter o substrato úmido e fresco na maior parte do tempo. Regue duas vezes por semana no verão e uma vez por semana no inverno. Você pode utilizar o borrifador para regar o substrato.

Na dúvida, consulte um especialista!

 

PODAS PARA CRESCIMENTO

As podas são fundamentais para esse tipo de jardim. Quando estão no tamanho adequado, a tendência é que a espécie cresça muito mais e se mantenha saudável por mais tempo. Esse processo deve ser feito de maneira periódica com extração das folhas secas ou doentes e dos ramos que se cruzam ou raspam entre si.

Existem diversos tipos de podas e cada uma se encaixa em uma situação. As principais são a poda de limpeza, a poda de rejuvenescimento e a poda contra pragas. Já a poda de raízes é menos comum, pois só acontece quando as raízes da planta podem se tornar um problema de crescimento.

 

ATENÇÃO AO SUBSTRATO

Para que as plantas possam crescer saudáveis mesmo na vertical, pode ser necessário investir em um substrato especial.

Ao colocá-lo em substituição à terra tradicional, é indispensável escolher substratos de boa qualidade que estimulem o crescimento de maneira natural.

Uma boa sugestão está em priorizar opções feitas com base de fibra de coco ou de turfa importada. Como é bastante difícil fazer substituições ou fazer reposições no jardim, esse tipo de material tende a durar mais sem perder a beleza.

 

APLIQUE NUTRIENTES

Tenha em mente que adubar e irrigar são duas atividades que andam juntas nos jardins verticais de apartamentos. Por conta disso, aplicar nutrientes adequados para as espécies escolhidas faz muita diferença nos resultados. Esse tipo de produto é facilmente encontrado em supermercados ou floriculturas.

A dica é aplicar esses nutrientes junto do borrifador de água. Assim como o processo de rega, a adubação deve ser feita em quantidades moderadas. Procure também por substratos que já trazem o adubo em sua composição e liberam pequenas quantidades de fertilizantes no momento de impulsionar a água.

 

(Fonte: Blog da MRV)

Gostou das nossas dicas? Então convide toda a família para fazer parte do projeto do jardim vertical para seu apartamento!
Aproveite também para conferir todos os diferenciais incríveis que te aguardam no luxuoso condomínio Sólida One.

Compartilhar

Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis + 19 =