DICAS PARA FAZER UMA BOA MUDANÇA USANDO O ELEVADOR

BLOG

DICAS PARA FAZER UMA BOA MUDANÇA USANDO O ELEVADOR

Se realizar uma mudança para uma residência de um andar já é um processo demorado e cansativo, mudanças em prédios com vários lances de escada podem ser ainda mais desgastantes. Ainda bem que dá pra contar com a ajuda do elevador!
Mas atenção: antes de fazer a sua mudança, é importante estar ciente de que não se trata apenas de “colocar as caixas dentro da cabina e apertar o botão para o andar do seu apartamento”. Você precisa planejar com antecedência para evitar diversos problemas. Quer saber do que a gente está falando? Continue lendo o artigo!

AGENDANDO O HORÁRIO COM O SÍNDICO

A primeira coisa a se fazer é consultar o síndico do condomínio para ver quais são as normas do prédio em relação a mudanças. Depois disso, defina um dia e horário de mudança. Faça o agendamento com antecedência pois, caso o prédio não autorize fazer a mudança no dia ou horário que você combinou com a empresa transportadora, você precisará remarcar.
Não estranhe se não permitirem que a mudança seja realizada à noite ou em fins de semana; o barulho da mudança incomoda os moradores.

INFORMAÇÕES QUE DEVEM SER VISTAS ANTES DA MUDANÇA

Normalmente, os edifícios residenciais possuem dois elevadores: um para uso dos condôminos e um elevador de serviço. Se for possível, reserve o elevador de serviço no dia da mudança – utilizar o elevador geral para fazer sua mudança é passível de multa!
Além disso, é extremamente importante se informar sobre:

  •  Limite de carga do elevador de serviço (essa informação fica no interior da cabina do elevador);
  • Acolchoado de proteção da cabina. Esse item deve estar presente em todos os prédios com elevadores e ser colocado para proteger o interior do elevador de possíveis arranhões. Verifique com antecedência a disponibilidade do item com o zelador do prédio (ou na ausência de um, verifique com o síndico ou responsável).

Você também deve verificar o tamanho exato dos seus objetos antes da mudança. Mesmo que o objeto tenha peso inferior ao limite de carga do elevador, ele pode ser alto demais ou largo demais para caber lá dentro, e terá que ser levado pelas escadas.
Agora, no caso de objetos/móveis muito pesados ou delicados que não passam pelas escadas (como um piano, por exemplo), será necessário içá-los por fora do prédio através de um guincho. Não deixe para ver sobre isso em cima da hora!

UTILIZANDO O ELEVADOR PARA SE MUDAR

Todas as informações que você leu até aqui devem ser repassadas com os funcionários da empresa de mudança. Apesar disso, é recomendável que você ou uma pessoa de confiança os acompanhe em todas as etapas, a fim de evitar possíveis problemas, seja por descuido ou por acidente.
No dia da mudança, lembre-se de que:

  • O elevador deve estar acolchoado para evitar riscos ou qualquer tipo de dano no interior;
  • Os limites de carga devem ser sempre respeitados;
  • Os objetos/caixas devem ser colocados com extremo cuidado, e não podem passar as dimensões do elevador;
  • Até mesmo restos de poeira podem estragar o elevador. Certifique-se de que as caixas estão devidamente lacradas. Entulhos devem ser levados pelas escadas ou, no caso de serem muito pesados, devem ser içados pelo guincho;
  • Se o elevador der algum pane, comunique imediatamente ao zelador para que ele faça reparos imediatos. Se não houver um zelador no condomínio, procure o síndico e veja o que é possível fazer.

Planeje-se com antecedência e tenha uma mudança tranquila e agradável!

Compartilhar

Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

DESCUBRA O QUE FAZER ANTES DA MUDANÇA

BLOG

DESCUBRA O QUE FAZER ANTES DA MUDANÇA

Mudar para um novo imóvel pode ser um verdadeiro desafio quando deixamos para organizar tudo em cima da hora. Mas afinal, você sabe como planejar a mudança para o seu novo lar com tranquilidade? A Sólida Construções tem dicas para você. Confira!

O QUE VOCÊ PRECISA ORGANIZAR PRIMEIRO

A primeira coisa que você deve fazer é ligar para as empresas que realizam mudanças para verificar disponibilidade de data e comparar os preços. Se você deixar para agendar em cima da hora, pode acabar tendo que contratar a transportadora mais cara.

Reservada a empresa de mudança, comece a ligar para os fornecedores de água, luz, gás, telefone, internet, TV por assinatura, jornais e outras prestadoras de serviço, avisando a todos o novo endereço de domicílio para não ter problemas com boletos indo para o endereço errado.

Além disso, em casos de internet e telefonia, por exemplo, se você avisar com antecedência (semanas antes da mudança), é bem provável que as empresas consigam realizar a instalação antes de você se mudar.

CADA COISA NO SEU LUGAR

Outro ponto importante da mudança é tirar as medidas de móveis e eletrodomésticos, como guarda-roupas, camas, mesa de jantar, fogão, máquina de lavar, dentre outros, para que você possa verificar onde eles poderão ficar no novo imóvel. Pode ser que você queira colocar o guarda-roupa do lado oposto da janela e ele atrapalhe a passagem, ou que a sua máquina de lavar seja grande demais para a área de serviço e você tenha que adaptar o espaço.

Por isso, leve um bloquinho com as medidas e uma trena (fita métrica) para o novo imóvel. Faça um desenho de cada cômodo e coloque as medidas reais, vendo os espaços disponíveis e já definindo onde vai colocar cada coisa. Isso irá facilitar bastante no dia da mudança.

GUARDANDO OS OBJETOS

Não deixe para encaixotar tudo de última hora. Você pode começar a embalar os objetos que menos utiliza semanas antes da mudança e guardar as caixas na área de serviço ou garagem, sempre etiquetando as caixas para saber o que é que tem lá dentro.

O bom de começar a organizar antes é que, assim, dá tempo de verificar item por item, separando coisas que dá para doar ou que irão para o lixo, além de ser bem menos cansativo.

Atenção: é recomendável não comprar muita comida na semana da mudança. Compre somente o essencial; dessa forma, você evita que os alimentos da geladeira percam.

Compartilhar

Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp